domingo, 27 de março de 2016

O que eu não conheço - Maria bethânia

Eu queria que a mão do amor
Um dia traçasse
Os fios do nosso destino
Bordadeira fazendo tricô...

Em cada ponto que desse

Amarrasse a dor (2x)

Como quem faz um crochê

Uma renda, um filó
Conhece as pontas do nosso querer
E desse um nó...

O mais importante do bordado

É o avesso
É o avesso...

O mais importante em mim

É o que eu não conheço
O que eu não conheço...

O que de mim aparece

É o que dentro de mim Deus tece
Quando te espero chegar eu me enfeito, eu me enfeito
Jogo perfume no ar
Enfeito meu pensamento
Às vezes quando te encontro
Eu mesma não me conheço
Descubro novos limites
Eu perco o endereço
É o segredo do ponto
O rendado do tempo
É como me foi passado o ensinamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário