quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

Frase - Alessandro Brito

Se machucar faz parte da caminhada, se eu ficasse inerte, no meu mundo seguro, que história teria pra contar?


quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

37. O engano no amor - Nietzsche (Humano - Demasiado Humano)


Esquecemos voluntariamente muitas recordações de
nosso passado, as eliminamos da cabeça
intencionalmente: temos, portanto, o desejo de ver a
imagem que reflete nosso passado nos mentir a nós mesmos e nos agradar - trabalhamos sem cessar nesse engano de nós mesmos. - E vocês pensam, vocês que falam tanto do "esquecimento de si no amor", do "abandono do eu a outra pessoa", vocês que se
vangloriam de tudo isso pensam que é algo de essencialmente diferente? Destruímos, portanto, o
espelho, nos transformamos pela imaginação em outra pessoa - que admiramos, e desfrutamos doravante da
nova imagem do nosso eu, embora a designemos com o
nome de outra pessoa - e todo esse processo não seria
engano de si, do egoísmo - vocês me surpreendem! Parece-me que aqueles que escondem alguma coisa
a si mesmos e aqueles que por inteiro se escondem a si próprios, parecem que nisso cometem um roubo ao tesouro do conhecimento. Disso se deve deduzir de que equívoco o axioma "conhece-te a ti mesmo" nos previne.

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Slam Resistência - Lucas Penteado Kóka ( Vencedor edição de Dezembro)

Era uma vez... Não, para! Que isso aqui não é conto de fadas!
E a história que vai ser relatada é só realidade.
Conta as memórias de uma vida pacata que esmagou a maldade
1996, quatro horas da manhã
Dilatação de 4 dedos, mas não tinha parteiros
A saúde onde eu moro me dá nos nervos
Nome da mãe? Andréia.
Preta, nesse mundo é treta
Quando madura via que a vida era dura
Parecia que Deus olhava e dizia: - Poucas ideias.
Prazer! Sou sim o desgraçado, como o engravatado tinha me falado
É, mas ele ficou impressionado, porque além de ser negro drama também sou um negro estudado
E eu sei que tenho muito a estudar
Porém na academia da hipocrisia, a matéria que eu não entendia eles querem tirar
Mas um dia, um dia eu chego na universidade
Eles nem tão ligado que a vida serviu de faculdade
Tinha apenas três matérias: Miséria, escravatura e infelicidade
Pois é brasil, eu nunca tive um “but” de mil
Mas no sistema eu vou tentar dar uma bota
Por que eu quero ver meu bem
Quando no ENEM eu tirar 100 eles falarem que foi cota.

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Sem chance de ajuda - Velho safado

Há um lugar no coração que
nunca será preenchido

um espaço

e mesmo nos
melhores momentos
e
nos melhores
tempos

nós saberemos

nós saberemos
mais que
nunca

há um lugar no coração que
nunca será preenchido
e
nós iremos esperar
e
esperar

nesse
lugar.

Bigigangas - Xico Bizerra - Leninho - Zé Maria

Assim que você vier perguntar
o motivo por que cansei de esperar
um dia, uma luz, uma estrela, outro dia
mil sonhos de amor, ilusão fantasia

nada falarei o silêncio será arma soberana
como a madrugada que recebe o orvalho frio e não reclama
e o que restará de nós será somente bugigangas

não posso esquecer o que devo levar
o que faça doer eu prefiro deixar
levo o meu coração e o vazio da casa
a nossa velha chama, aquela flor amassada

um verso deixarei só para você bem na nossa cama
que te fale de amor, de paixão, de prazer e de uma dor tão tirana
e o que restará de nós será somente bugigangas

se um dia alguém precisar saber
as razões desse fim que não foi meu querer
pergunta às estrelas que brilham lá em cima
da tristeza que é quando tudo termina

só saudades terei de um tempo tão bom que a alma reclama
e por falta de amor levarei o meu peito que se esmolamba
e o que restará de nós será somente bugigangas

sábado, 12 de novembro de 2016

Onde ir? - Sanray

Ao entrar preste atenção aonde pisa!
Siga todos os papéis sem pular nenhum, faz uma história linda. Dê o play! Coldplay The Scientist.
Era uma vez um casal que se conheceu no São João...Enfim uma história ainda sendo escrita e sem final feliz, porque a felicidade entre eles não se resume no final, mas todos os dias. Aqui é onde aprendo muito com você, sobre tudo. Agradeço. (Vá até a varanda)
Nessa varanda é onde tenho certeza que já estivemos juntos em algum outro lugar, outra vida. Nós não nos encontramos, nós nos reencontramos. (Vá até o banheiro)
Cada pedaço desse apartamento nos define, no banheiro não seria diferente, é aqui que meu banho se torna o mais gostoso do mundo, poder sentir teu corpo nu, me tocando com carinho, não há dinheiro no mundo que pague momentos como esses. (Vá até o quarto)
Poder dormir e acordar ao seu lado é tão maravilhoso que palavras não conseguem descrever tamanha sensação. Esse é o nosso cantinho, é o lugar que tanto espero que as horas passem pra eu chegar e te sentir bem pertinho de mim, mas que peço ao tempo que demore a passar quando juntos nos encontramos, mas ele nunca atende!
Quero te amar todos os dias e compartilhar minha felicidade contigo. (Vá até o coração)
Nele encontra-se tudo que sou de forma intangível. Os paradoxos por vezes me alucinam e não sei bem se estou acordado ou sonhando, e quando eles me consomem, no mesmo milésimo de segundo o medo me açoita e fico atordoado, penso então nos momentos felizes e extirpo os maus pensamentos. Esse é o caos que antecede o meu nirvana, e que se renova a cada instante, e assim meu coração parou de fazer promessas e de aceita-las, mas
continua fazendo todos os planos do mundo, livre.

DVD MESTRE CAMARÃO

domingo, 6 de novembro de 2016

Andarilho - Xangô da Mangueira

Viajando por um caminho deserto
Muitas léguas sem encontrar ninguém
Mas de repente eu avistei
Um vulto que me assombrei
Era um homem todo largado, todo barbado
Com os pés inchados de tanto andar
Eu imaginei o que ele fazia por ali
Ele assim me respondeu:
O homem feliz sou eu

Sou feliz sim porque não vivo a reclamar
Sou feliz por isso posso lhe explicar
Essas barbas para mim são uma beleza
Essa roupa esfarrapada isso pra mim é uma riqueza
E estes pés inchados descalçados
É o orgulho de um homem que não vive humilhado

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Charlie Brown Jr João Rock 2012 completo full concert

Tempo maravilhoso, transição de várias fitas. Muito Phoda!



Pra sempre no coração e na mente!

Lagrimas negras como nunca la has oido

Zaida Reyte

Arthur Schopenhauer in ‘Aforismos para a Sabedoria de Vida’

Nenhum caminho é mais errado para a felicidade do que a vida no grande mundo, às fartas e em festanças (high life), pois, quando tentamos transformar a nossa miserável existência numa sucessão de alegrias, gozos e prazeres, não conseguimos evitar a desilusão; muito menos o seu acompanhamento obrigatório, que são as mentiras recíprocas.

Assim como o nosso corpo está envolto em vestes, o nosso espírito está revestido de mentiras. Os nossos dizeres, as nossas ações, todo o nosso ser é mentiroso, e só por meio desse invólucro pode-se, por vezes, adivinhar a nossa verdadeira mentalidade, assim como pelas vestes se adivinha a figura do corpo.

Antes de mais nada, toda a sociedade exige necessariamente uma acomodação mútua e uma temperatura; por conseguinte, quanto mais numerosa, tanto mais enfadonha será. Cada um só pode ser ele mesmo, inteiramente, apenas pelo tempo em que estiver sozinho. Quem, portanto, não ama a solidão, também não ama a liberdade: apenas quando se está só é que se está livre.

A coerção é a companheira inseparável de toda a sociedade, que ainda exige sacrifícios tão mais difíceis quanto mais significativa for a própria individualidade. Dessa forma, cada um fugirá, suportará ou amará a solidão na proporção exata do valor da sua personalidade. Pois, na solidão, o indivíduo mesquinho sente toda a sua mesquinhez, o grande espírito, toda a sua grandeza; numa palavra: cada um sente o que é.

Ademais, quanto mais elevada for a posição de uma pessoa na escala hierárquica da natureza, tanto mais solitária será, essencial e inevitavelmente. Assim, é um benefício para ela se à solidão física corresponder a intelectual. Caso contrário, a vizinhança frequente de seres heterogêneos causa um efeito incômodo e até mesmo adverso sobre ela, ao roubar-lhe seu «eu» sem nada lhe oferecer em troca. Além disso, enquanto a natureza estabeleceu entre os homens a mais ampla diversidade nos domínios moral e intelectual, a sociedade, não tomando conhecimento disso, iguala todos os seres ou, antes, coloca no lugar da diversidade as diferenças e degraus artificiais de classe e posição, com frequência diametralmente opostos à escala hierárquica da natureza.

Nesse arranjo, aqueles que a natureza situou em baixo encontram-se em ótima situação; os poucos, entretanto, que ela colocou em cima, saem em desvantagem. Como consequência, estes costumam esquivar-se da sociedade, na qual, ao tornar-se numerosa, a vulgaridade domina.

Deep Purple Mistreated 1974 Legendado

sábado, 1 de outubro de 2016

Niver - Sr. João


Seu aniversário é mera formalidade de convenção, ainda sim, parabéns! (Não acho que estou atrasado, senti necessidade só agora de externalizar meu carinho, apreço e gratidão, esse como você bem sabe, é meu tempo). Mas o importante mesmo é o que representa pra mim todos os dias desde que nos tornamos amigos, e não tem data específica, pelo contrário, é vivo dentro de mim sempre.
Estimado amigo e consiglieri, você é sem dúvida um grande presente que a vida me ofertou, o passar dos anos comprova de forma despretensiosa a sinceridade de nossa amizade. Atravessamos esse brasil lado a lado, tem pessoas de 60,70,80... anos que não andaram e não viram um nada do que pudemos juntos ver, escutar, sentir e conhecer, muito obrigado querido.
Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná e até um pedacinho do Paraguay, sem contar cada lugar específico dentre esses, como poderia não ser realizado e me sentir milionário por tê-lo como amigo e professor da vida!?
A vida resume-se em morrer e fazer escolhas, somos como comediantes, temos um alvo (do comediante, fazer rir, o nosso, viver) as vezes acertamos em cheio, outras passamos do ponto, é a vida.
Espero, em breve, revê-lo, para contemplarmos tudo quanto essa vida e essa Brasil maravilhoso nos oferece.
E por falar nesse Brasil maravilhoso, que você conhece como a palma da sua mão (ou até melhor que ela rs), segue um samba que Paulo Mathias me cantou ontem:
"Nessa terra abençoada
Que mesmo sem plantar nada
Nasce tudo que é bom
Quando é noite enluarada
Tem samba tem serenata
Com pandeiro e violão
E quando vem a madrugada
Nessa terra orvalhada
Parecem estrelas caídas pelo chão
Eu darei meu sangue
Para defender essa terra
Nesse lindo céu de anil
Meu brasil, meu brasil
És o todo poderoso do universo
Nosso lema é ordem e progresso
És o gigante adormecido
Meu brasil querido."

sábado, 24 de setembro de 2016

domingo, 27 de março de 2016

O que eu não conheço - Maria bethânia

Eu queria que a mão do amor
Um dia traçasse
Os fios do nosso destino
Bordadeira fazendo tricô...

Em cada ponto que desse

Amarrasse a dor (2x)

Como quem faz um crochê

Uma renda, um filó
Conhece as pontas do nosso querer
E desse um nó...

O mais importante do bordado

É o avesso
É o avesso...

O mais importante em mim

É o que eu não conheço
O que eu não conheço...

O que de mim aparece

É o que dentro de mim Deus tece
Quando te espero chegar eu me enfeito, eu me enfeito
Jogo perfume no ar
Enfeito meu pensamento
Às vezes quando te encontro
Eu mesma não me conheço
Descubro novos limites
Eu perco o endereço
É o segredo do ponto
O rendado do tempo
É como me foi passado o ensinamento.