sábado, 4 de outubro de 2014

Impressão digital - Ederaldo Gentil

Coberta de lã não aquece
O frio que vem da saudade
Chave de ouro não abre
A porta da felicidade
Tempero nenhum mudará
O doce sabor da afeição
Como também guerra fria
Não vence o calor da paixão

Como tal
Tal qual uma real posição
Cada mão com sua impressão digital
Bem maior o brilho do sol no verão
Cada qual no seu lugar natural

Nenhuma barreira consegue
Impedir a ação do amor
Não a disfarce na face
Para livrar-se da dor
Não há fortaleza que barre
A fraqueza de uma ilusão
Não tem consciência capaz
De trair de negar a razão

Como tal...
Tal qual uma real posição...

Nenhum comentário:

Postar um comentário