terça-feira, 28 de janeiro de 2014

Noite cheia de estrelas - Martinho da Vila

Lua...

Manda a tua luz prateada

Despertar a minha amada

Quero matar meus desejos

Sufocá-la com os meus beijos

Canto

E a mulher que eu amo tanto

Não me escuta, está dormindo

Canto e por fim

Nem a lua tem pena de mim

Pois ao ver que quem te chama sou eu

E entre a neblina se escondeu...


Nenhum comentário:

Postar um comentário