sexta-feira, 27 de dezembro de 2013


OS BRAÇOS SÃO O LIMITE DO ABRAÇO
OS OLHOS SÃO A REPRESA DO CHORAR
O CORPO É ONDE GUARDO MINHA ALMA
A BOCA É DE ONDE SOLTO MEU PENSAR 
MAS QUANDO OS BRAÇOS NÃO FOREM MAIS NECESSÁRIOS 
OS OLHOS NÃO PUDEREM ENXERGAR 
O CORPO NÃO CONSEGUIR ALCANÇAR
E A BOCA NÃO MAIS FALAR
SERÁ COM A ALMA QUE IREI TE ABRAÇAR.

Father and Son - Johnny Cash

Johnny Cash phodásticoooo!!!

"...Você ainda é jovem, esse é seu problema,
há muita coisa que você tem que saber.
Encontre uma garota, se afirme,
se você quiser, pode casar
Olhe pra mim, estou velho,
mas sou feliz..."

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

ACORDA AMOR CHICO BUARQUE

3 meses...

...Se eu demorar uns meses
Convém, às vezes, você sofrer
Mas depois de um ano eu não vindo
Ponha a roupa de domingo
E pode me esquecer...

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Uma semana - Alessandro Brito

E daí que não a conheço?
Que tremenda bobagem
Ainda que vivêssemos juntos por cem anos
Não nos conheceríamos

Sei que segundos
Serão sempre eternos
E que o realmente importa
É vivê-los livremente

Ter apenas a bagem necessária
Para contar uma dúzia de histórias
Uma meia dúzia de "rebeldias"
E testificar com um sorriso de realização

Se nos embarramos, talvez seja o acaso
Ou talvez seja o caso, de não ser
Se haverá um reencontro,
Que estejamos prontos pra viver

Reciclagem - Zé Geraldo

Saí de casa muito cedo
Os trapos na minha sacola
Camisa bordada no bolso
Na mão direita a viola
Principiava o mês de junho
O céu cinzento anunciava o inverno
O peito vazio de tudo
E a mala cheia de amor materno
Meu companheiro
Que sai de casa e na vida cai
Com as cacetadas desses anos todos
Eu fiquei mais velho que
Meu velho pai'
Os jardins da casa-grande
As trancas ficando pra trás
Hoje, depois de algum tempo
Eu sei que ficou muito mais
Ficou um sentido de vida
Uma filosofia, uma razão de ser
Que a idade impediu de ser vista
E que hoje é a própria razão de viver
A moda na cidade é grande
O medo é grande também
A corrida do cheque incoberto
O saldo não teve e não tem
Os valores trazidos da terra
Enfrentando as cancelas
Do "pode-não-pode"
A força falsa de um cartão de crédito
Ao invés de um fio de bigode

quinta-feira, 19 de dezembro de 2013

Uma Pequena Mancha de Insensível Amarelo - Charles Bukowski.

E porque velho safado e não qualquer outro poeta ou pensador? Elementar demais para uma resposta ;)

Você não pode me dizer que é a melhor época para a poesia,
você não pode me dizer que Marciano não conseguiria pegar
Louis, você não pode me dizer que Hitler era um louco, você
não pode me dizer que os cães latem apenas à noite;
você não pode me dizer que a chama não machuca a mariposa,
você não pode me dizer que aquelas pessoas ali na esquina
paradas e piscando os olhos são
humanas; você não pode me dizer que amor é mais que a
vida, você não pode se esticar no mesmo colchão que eu
e dizer, “eu te amo”
porque -
estamos sem cigarros e sem amor e minhas
pilhas estão acabando e meus ossos doem
e Lorca está morto e
Neruda está morto e Cristo com seus olhos de avelã
foi fisgado como um peixe
por homenzinhos de unhas sujas.
estamos sem vinho e amor e sorte. e você não pode
me dizer coisa alguma. então por que você não se levanta e dá algumas
pancadas na alavanca da descarga? ou isso vai ficar correndo assim
para sempre.


Jards Macalé e Paulo José cantam e recitam Torquato Neto

TORQUATO NETO PESADO!!!!!!!!!!

GONZAGUINHA - PONTO DE INTERROGAÇÃO

segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

Jards Macalé raridade - ' Movimento dos barcos ' + ' Hotel das estrelas ...

BRASA!!!

My Shoes (tradução meus sapatos)

Uma aula!!!

O tempo - Mario Quitana

‎”A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando se vê, já é sexta-feira!
Quando se vê, já é Natal…
Quando se vê, já terminou o ano…

… Quando se vê não sabemos mais por onde andam nossos amigos…
Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê passaram 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado…

Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casaca dourada e inútil das horas…
Eu seguraria todos os meus amigos, que Já não sei como e onde eles estão e diria: vocês são extremamente importantes para mim.

Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo…
Dessa forma eu digo, não deixe de fazer algo que gosta devido a falta de tempo.
Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terá será a desse tempo que, infelizmente, nunca mais voltará.”

Dominguinho - Minha Ilusão (1976)

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Frase - Charles Bukowski

"mulheres que tiveram muitos homens
parecem escolher o próximo
mais por vingança que por
sentimento."

Clara Nunes - Manhã de carnaval

MINHA DEUSA!

FALANDO DE AMOR - CÉLIA

Amigos - Alessandro Brito

"A vida é feita de escolhas. E são as escolhas que você faz, que determinam onde você vai chegar."  -Daniel Mourão

3 meses longe dos meus amigos amados, é um preço alto a se pagar, mas estou me saindo muito bem...

Minha família sempre foi meus amigos e por isso eu me dedico incondicionalmente. Tento ser um ser humano melhor, sei que já deixei, e as vezes ainda deixo, umas falhas no meio do caminho. Mas que maravilha, mesmo com essa certeza eu vejo que eles não desistem de serem leais, isso é impagável e imensurável!

Claro que gestamos essa tolerância, aprendemos a respeitar as falhas um dos outros e por isso penso que nos amamos e amar nada mais é, pra mim, que respeitar o outro da maneira como ele é.

Mas não tinha me dado conta do quanto eu sou milionário. Eu sabia que era, sempre soube, mas não que era tanto quanto hoje posso enxergar.
Me sinto feito Tio Patinhas mergulhando no seu tesouro, acreditar em cada um, ter cada um, e contar com cada um de vocês me faz ser, se não o maior milionário da terra, um dos maiores. Talvez possa até afirmar que devem haver riquezas iguais as minhas, mas, maior que a minha acho difícil. Nem todo petróleo nem toda guerra é capaz de gerar uma fortuna maior que a de ter amigos leais.

Precisamos dos amigos, quando estamos na sarjeta, e não mais que nessa hora. Queremos sim, que eles estejam conosco nos momentos de felicidade e regozijo, mas de fato nessa hora é apenas para compartilhar, precisar no sentido literal da palavra, não precisamos. Era assim que eu pensava até pouco tempo atrás, mas Alexander Supertramp ensinou-me que "Felicidade só é real se compartilhada". Porque, se na hora que estiver tudo bem eu estiver sozinho, não seria feliz, seria apenas como ter todo vil metal e só. Tô fora!

Hoje por enxergar as coisas por este prisma, sinto uma saudade gostosa e não melancólica, uma saudade esperançosa de poder viver novas histórias com cada um, poder dividir com cada um, ao menos um pouquinho de tudo que o nordeste me (nos) oferece. Estou firme no meu propósito, afinal demorei 30 anos para querer algo "concreto", e logo estarei chegando onde estou determinado a chegar.

E graças a minha vivência que é providencial para que eu confie tanto em mim, e só a tenho porque vocês meus amigos me ajudaram a construí-la, hoje vejo que o bom não é chegar ao objetivo, pois quando o alcançamos instintivamente deixamo-os de lado e trançamos outros novos, quase não gozamos dele, mas o bom mesmo é o caminho que se percorre até ele. Vendo a vida dessa maneira, cada milésimo de segundo que sempre foi pra mim importantíssimo, se tornou ainda mais precioso. Esse rabisco que novamente vos escrevo nada mais é, se não, saber que estou nesse exato minuto dando mais um passo.

Amo vocês!

" É chato chegar
A um objetivo num instante
Eu quero viver
Nessa metamorfose ambulante

Do que ter aquela velha opinião
Formada sobre tudo
Do que ter aquela velha opinião
Formada sobre tudo

Sobre o que é o amor
Sobre o que eu nem sei quem sou

Se hoje eu sou estrela
Amanhã já se apagou
Se hoje eu te odeio
Amanhã lhe tenho amor

Lhe tenho amor
Lhe tenho horror
Lhe faço amor
Eu sou um ator

Eu vou desdizer
Aquilo tudo que eu lhe disse antes
Eu prefiro ser
Essa metamorfose ambulante..."  -Raul Seixas

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Nordeste independente - Bráulio Tavares/Ivanildo Vilanova

Já que existe no sul esse conceito
Que o nordeste é ruim, seco e ingrato
Já que existe a separação de fato
É preciso torná-la de direito
Quando um dia qualquer isso for feito
Todos dois vão lucrar imensamente
Começando uma vida diferente
De que a gente até hoje tem vivido
Imagina o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

Dividindo a partir de Salvador
O nordeste seria outro país
Vigoroso, leal, rico e feliz
Sem dever a ninguém no exterior
Jangadeiro seria o senador
O cassaco de roça era o suplente
Cantador de viola o presidente
O vaqueiro era o líder do partido
Imagina o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

Em Recife o distrito industrial
O idioma ia ser nordestinense
A bandeira de renda cearense
"Asa Branca" era o hino nacional
O folheto era o símbolo oficial
A moeda, o tostão de antigamente
Conselheiro seria o inconfidente
Lampião, o herói inesquecido
Imagina o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

O Brasil ia ter de importar
Do nordeste algodão, cana, caju
Carnaúba, laranja, babaçu
Abacaxi e o sal de cozinhar

O arroz, o agave do lugar
O petróleo, a cebola, o aguardente
O nordeste é auto-suficiente
O seu lucro seria garantido
Imagina o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

Se isso aí se tornar realidade
E alguém do Brasil nos visitar
Nesse nosso país vai encontrar
Confiança, respeito e amizade
Tem o pão repartido na metade,
Temo prato na mesa, a cama quente
Brasileiro será irmão da gente
Vai pra lá que será bem recebido
Imagina o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

Eu não quero, com isso, que vocês
Imaginem que eu tento ser grosseiro
Pois se lembrem que o povo brasileiro
É amigo do povo português
Se um dia a separação se fez
Todos os dois se respeitam no presente
Se isso aí já deu certo antigamente
Nesse exemplo concreto e conhecido
Imagina o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

Povo do meu Brasil
Políticos brasileiros
Não pensem que vocês nos enganam
Porque nosso povo não é besta

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

Casamento não é pra você - Seth

Casamento não é para você nem é a respeito da sua felicidade. Se você pensa que o casamento é para fazê-lo feliz, está enganado.
 Depois de estar casado há apenas um ano e meio, recentemente cheguei à conclusão de que o casamento não é para mim.

Agora, antes de começar a fazer suposições, continue lendo.

Conheci minha esposa na escola quando tínhamos 15 anos. Éramos amigos há dez anos, até que... Até que decidimos que não queríamos mais ser apenas amigos. Eu recomendo enfaticamente que os melhores amigos se apaixonem. Será a felicidade para ambos.

No entanto, me apaixonar por minha melhor amiga não me impediu de ter certos medos e ansiedades sobre o casamento. Quanto mais próximos Kim e eu ficávamos da decisão de nos casarmos, mais eu me enchia de um medo paralisante. Será que eu estava pronto? Era a escolha certa? Kim era a pessoa certa para eu me casar? Será que ela me faria feliz?

Então, numa noite fatídica, compartilhei esses pensamentos e preocupações com o meu pai.

Talvez cada um de nós tenha passado por momentos em nossas vidas em que parece que o tempo fica mais lento ou o ar torna-se parado e parece tragar tudo ao nosso redor, marcando esse momento como aquele que nunca esqueceremos.

Meu pai dando sua resposta às minhas preocupações era um desses momentos para mim. Com um sorriso, ele disse: “Seth, você está sendo totalmente egoísta. Então, eu vou tornar as coisas simples: o casamento não é para você. Você não se casa para fazer a si mesmo feliz, se casa para fazer alguém feliz. Mais do que isso, o casamento não é para você, é para a família. Não é para os sogros ou para coisas sem importância, mas para seus futuros filhos. Quem você quer ao seu lado para criá-los? Quem você quer que os influencie? O casamento não é para você, nem para fazê-lo feliz. O casamento está relacionado à pessoa com quem se casa.”

Foi nesse exato momento que eu soube que Kim era a pessoa certa para casar. Eu percebi que eu queria fazê-la feliz, ver o seu sorriso todos os dias, queria fazê-la rir todos os dias. Eu queria ser uma parte de sua família, e minha família queria que ela fosse uma parte da nossa. E pensando em todas as vezes que eu a tinha visto brincar com os meus sobrinhos, eu sabia que ela era a pessoa com quem eu queria construir nossa própria família.

O conselho do meu pai era ao mesmo tempo chocante e revelador. Foi na contramão da "filosofia corrente" de hoje, que é: se o casamento não o faz feliz você pode voltar atrás e começar um novo relacionamento.

Não, um verdadeiro casamento (e verdadeiro amor) nunca é centrado em você. É centrado na pessoa que você ama - seus desejos, suas necessidades, suas esperanças e seus sonhos. O egoísmo exige: "O que eu ganho com isso?”, enquanto o amor pergunta: “O que eu posso dar?"

Algum tempo atrás, minha esposa me mostrou o que significa amar desinteressadamente. Por muitos meses, meu coração estava endurecido por uma mistura de medo e ressentimento. Então quando a pressão chegou a um ponto que nenhum de nós podia mais suportar, minhas emoções entraram em erupção. Eu estava insensível e egoísta.

Mas, em vez de acompanhar meu egoísmo, Kim fez algo mais que maravilhoso, ela demonstrou amor. Deixando de lado toda a dor e o mal-estar que eu havia causado, ela carinhosamente tomou-me em seus braços e acalmou minha alma.

O casamento é para a família.

Eu percebi que tinha esquecido o conselho do meu pai. Enquanto Kim devotava seu lado do casamento a me amar, do meu lado tudo estava concentrado em mim. Esta terrível constatação me levou às lágrimas, e eu prometi à minha mulher que eu iria tentar ser melhor.

Para todos os que estão lendo este artigo, casado, quase casado, solteiro ou até mesmo os solteirões ou solteironas convictos, eu quero que vocês saibam que o casamento não é para vocês. Nenhuma verdadeira relação de amor é para você. O amor é para a pessoa que você ama.

E, paradoxalmente, quanto mais você realmente ama essa pessoa, mais amor você recebe. E não apenas do seu cônjuge, mas dos amigos dele, de sua família e milhares de outras pessoas que você nunca teria conhecido se o seu amor permanecesse egocêntrico.

Na verdade, o amor e o casamento não são para você. São para o outro.


sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Nelson Mandela

Acho que nem mesmo meus irmãos tem ideia do quanto este homem representou em minha vida.
Sua história de vida, a busca por um ideal, seu altruísmo, dentro outras tantas coisas fizeram de Madiba um exemplo pra mim. Consegui fazer tudo que eu queria graças a ajuda dos meus amigos, e sou grato em poder sempre agradecer a eles. Mas não foi o suficiente pra que fizesse tudo que fiz e chegasse aos 30 anos pleno e realizado. Eu precisei buscar referentes estadistas e foi na história desse homem que eu encontrei norte, e nas tantas vezes que eu pensei em desistir (e foram muitas, pois o preço que se paga pra ser você mesmo é altíssimo e o caminho as vezes fica extremamente confuso) eu recorria a vida de Madiba, as sua frases, textos e declarações.

Madiba, essa frase que cito a seguir, tem um peso absurdo sobre minha vida, nessas muitas idas e vindas eu pude entender o que disseste, obrigado mestre, mestre da minha vida!

É com enorme pesar que rabisco estas linhas... A dor é tanta que mal consigo raciocinar... Gostaria de um dia ter lhe dado um abraço e um beijo.

Descanse em paz...

"Não há nada como regressar a um lugar que está igual para descobrir o quanto a gente mudou."

Nelson Mandela

quarta-feira, 4 de dezembro de 2013

MEU AMOR NÃO VAI EMBORA NÃO-"BETO BARBOSA"..wmv

Deusa de Itamaraca - Banda Pinguim (Jaque)

Sublime paixão - Paulo Cesar Pinheiro

Paixão ...
É o delírio de quem se entrega
É rebentação que carrega
É a raiz de onde brota a loucura
Paixão ...
É luz negra que ofusca e cega
É mar que se teme e se navega
É ânsia sublime de aventura
Paixão ...
É o abismo de quem se apega
É a bendita flor que o mal rega
É o reverso que tem toda jura
Paixão ...
É a surpresa que a gente não nega
É o destino de quem não sossega
É o mistério entre a espera e a procura
Paixão...
Estranha doutrina de fé que não se prega
Estranho prazer imortal imortal que nunca dura
Paixão...
É um trem que entristece e que alegra
Momento em que o amor quebra a regra
No coração de toda criatura...

terça-feira, 3 de dezembro de 2013

domingo, 1 de dezembro de 2013

Afetos - Augusto dos Anjos

Bendito o amor que infiltra n'alma o enleio
E santifica da existência o cardo,
- Amor que é mirra e que é sagrado nardo,
Turificando a languidez dum seio!

O amor, porém, que da Desgraça veio
Maldito seja, seja como o fardo
Desta descrença funeral em que ardo
E com que o fogo da paixão ateio!

Funambulescamente a alma se atira
À luta das paixões, e, como a Aurora
Que ao beijo vesperal anseia e expira,

Desce para a alma o ocaso da Carícia
Ora em sonhos de Dor, supremos, e ora
Em contorço es supremas de Delícia!