quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Mosaico - Alessandro Brito


Dos anais de uma vida
Um mosaico de saudades
Pecas difundidas
Contrastando a realidade

Quadro triste de tom fortes
Hora quente, hora frio
Sonhos revelados
Em devaneios sombrios

Diz- se muito
Diz-se nada
Diz- se de mim
De minha amada

Foi a vida que passou
Por mim intitulada
Vida de nos todos
Que se resume a nada.



Nenhum comentário:

Postar um comentário