terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Amada Elma Moreira de Assis


Eh que saudade me mata e distancia maltrata, eh que  distancia maltrata e a saudade me mata...


From: elma_moreira@hotmail.com
To: sandrovisks@hotmail.com
Subject: Minha análise... hehehe!
Date: Thu, 21 Jan 2010 02:00:39 +0300

Opine e continue me mandando seus textos!!!
Saudade...
beijo!

Análise...


Na minha concepção o amor é equivalente ao equilíbrio, justiça, igualdade, partilha de prazeres e angústias; acredito que não posso ter um relacionamento satisfatório com um parceiro que me domine. Pra mim, sexo é criatividade; está acima do trivial, é uma entrega grandiosa. Considero que a gratificação sexual caminha de mãos dadas com a satisfação mental. Se esse ingrediente estiver faltando, a satisfação também estará ausente. Sexo acontece em um nível mental. Estou propensa a ser um feixe de nervos, de energia; sou irrequieta e curiosa. E por isso, acredito ser tão importante encontrar a pessoa certa, para não me machucar. Sou uma pessoa que se entrega, se permite; basicamente calorosa e afetiva, mas tenho receio de ser limitada, restringida, de ter minhas emoções aprisionadas. Constantemente procuro um ideal. Na maioria das vezes, uma vez que descubro o "mistério" de outra pessoa, meu próprio interesse pode se dispersar. Isso deixa os outros confusos, magoados, imaginando o que saiu errado. Talvez eu tema ser conhecida, compreendida, ou analisada, pois creio que os outros possam vir a perder o interesse. Tenho tendência a ser rápida, impaciente, brava se os outros demoram a perceber, entender ou reagir. Por outro lado, sou desafiadora, motivando os outros a prosseguir, dar o melhor deles mesmos. Tenho em mente que sexo iguala-se à beleza, justiça, equilíbrio; isso, como já foi dito, é uma situação ideal. Sexo, é um ideal, e não um mero ato. Não é uma técnica, é uma experiência totalmente absorvente. Pode trazer paz e contentamento, assim como excitamento. Desejo o sexo em sua forma criativa, madura e satisfatória. Tenho uma personalidade camaleônica e a capacidade de fazer mil e uma coisas ao mesmo tempo. Sou um ser volátil por natureza, que muda de postura e opinião com a mesma sem-cerimônia com que muda de roupas, hobbies, simpatias e antipatias. E não é porque não saiba o que quero - é que não consigo me decidir entre tanta coisa que o mundo oferece e, na dúvida, decido-me por tudo! Sou um caso de dupla personalidade crônica, ou, na mais emocionante das hipóteses, de múltipla personalidade, mesmo. Adaptabilidade, versatilidade, mutação... Com já dizia o nosso grande Raul: “Eu prefiro ser, essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo...” Por isso muitos podem me considerar volúvel. Essas pessoas estão vendo apenas a minha curiosa parte analista. Aqueles que entendem "a outra metade" sabem que posso ser constante e que minha curiosidade é uma parte e não o todo. Sou mentalmente rápida; inovadora; minha busca está na trilha da segurança. Para satisfazer impulsos básicos, procuro um ideal. Uma de minhas características é a dedicação. No amor, é a variedade e a curiosidade que contam, alguém que alimente meu cérebro com informações novas, que promova viagens – intelectuais ou físicas. Sou uma espécie de agente de ligação, repórter da vida, chefe do intercâmbio, aprendiz de tudo, falante de muitas línguas, mestre da mágica de convencer pela palavra. Não existo para consolidar, nem para impor nenhum desejo. Tenho a curiosidade e a maleabilidade necessárias para fazer com que aquilo que foi criado e manifestado entre em contato com um todo maior, o meio. Daí a minha sempre busca em conhecer novas pessoas, trocar notícias, informações. Tudo é movimento, nada é constância. Por isso é duro ter de me conformar com alguns poucos caminhos, pois as opções são tantas e tão ricas. Os destinos podem ser tantos, a vida é um jogo de relacionamentos, excitante e cheia de aventura. A distração e a dispersão se tornam os meus maiores problemas. Gosto muito de ser pontual, porque sempre em meu caminho acho algo interessante para ser investigado. Não minto de propósito, apenas sofro de excesso de imaginação(kkkk)! Sou mais caleidoscópica do que a monótona realidade. Pra mim, é quase impossível escutar muito e não interromper porque minha mente movimenta muito tendo um e outro pensamentos instantâneos. Estou sempre procurando algo interessante para aprender... Insatisfeita, sempre querendo mais: mais amores, sensações, energias, conhecimento...

Nenhum comentário:

Postar um comentário